"Então o SENHOR me respondeu, e disse: Escreve a visão e torna bem legível sobre tábuas,
para que a possa ler quem passa correndo". Habacuque 2:2

Pesquisar este blog

Carregando...

#184 Baratas, aranhas e escorpioes



Leitura: João 8:12
Vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=lMf20Bfjy08

Fugir de Jesus é a reação natural de qualquer pecador. Foi assim no Éden depois que Adão pecou; é assim comigo e é assim com você. Somos como baratas, aranhas e escorpiões escondidos debaixo de uma pedra. Quando esta é levantada e a luz do sol revela o esconderijo, o jeito é correr para se esconder debaixo de outra pedra, longe da luz.

Fugimos da luz porque ela nos denuncia; revela nossa posição e condição. Nossa posição é naturalmente de separação, rebeldia e inimizade contra Deus. Nossa condição é de pecadores, transgressores das leis divinas e dignos de condenação. Numa situação assim, o que fazer senão fugir?

Como acontece com os fariseus deste capítulo, a presença de Jesus não só revela nossa posição e condição, como traz à tona nossa hipocrisia e a pretensão de nos acharmos capazes de mascarar nosso estado. Nessa hora religião, boas obras e autoafirmação são usadas para passar uma demão de cal neste sepulcro cheio de iniquidade que é cada um de nós.

Jesus diz: "Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida". Seguir a Jesus é se expor à luz e deixar que revele toda a nossa imundície. Mas o fato de a sujeira vir à tona e inquietar nossa consciência não nos garante a salvação. Os fariseus que queriam apedrejar a adúltera ficaram com suas consciências inquietas, mas isso só serviu para afastá-los ainda mais de Jesus.

O remorso gerado por uma consciência culpada não necessariamente nos aproxima de Deus. Caim mostrou ter esse tipo de remorso ao confessar a Deus o seu pecado, dizendo: "É maior a minha maldade que a que possa ser perdoada. Eis que hoje me lanças da face da terra, e da tua face me esconderei".

Ele não estava arrependido do que fez e se acha até na posição de poder decidir sua pena. Deus não havia dito que sua maldade não poderia ser perdoada, e nem o expulsou da terra. Parece até muito conveniente Caim agora poder dizer "da tua face me esconderei". Afinal, esse é um desejo natural a todo ser humano: querer distância de Deus.

Pelo mesmo motivo aqueles fariseus se afastam de Jesus. Eles querem evitar que seja revelado o conteúdo de seus corações, virados ao avesso pela presença da Luz . E você, o que faz quando confrontado com Jesus? Fica ou foge? A carta aos Efésios diz que "tudo o que é exposto pela luz torna-se visível, pois a luz torna visíveis todas as coisas. Por isso é que foi dito: 'Desperta, tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos e Cristo te iluminará".

Nos próximos 3 minutos Jesus continua ensinando em um aposento do Templo que leva um nome muito significativo para lições tão preciosas: o Lugar do Tesouro.
As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Para baixar os vídeos:

http://www.mediafire.com/?50ddj2c90jjjs É permitido gravar, copiar e distribuir gratuitamente.