"Então o SENHOR me respondeu, e disse: Escreve a visão e torna bem legível sobre tábuas,
para que a possa ler quem passa correndo". Habacuque 2:2

Pesquisar este blog

Carregando...

#139 Aproveitadores



Leitura: João 2:12-25
Vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=l9X7T8uC_Ls

É provável que muitos daqueles que participaram da festa de casamento em Caná estivessem três anos depois no julgamento de Jesus entre os que gritavam “Crucifica-o! Crucifica-o!”. Muitos foram alimentados, curados e libertados por ele, mas nem todos realmente se converteram ao Salvador. O livro de Hebreus fala algo sobre isso.

Lá diz que é impossível que aqueles que uma vez foram iluminados, provaram a dádiva do céu, desfrutaram dos benefícios do Espírito Santo, experimentaram a boa Palavra de Deus e o poder de uma era ainda futura e, mesmo assim, voltaram atrás, sejam reconduzidos ao arrependimento. Em Hebreus não diz que tenham crido, mas tão somente que desfrutaram dos privilégios da presença de Jesus como meros aproveitadores.

É o caso dos judeus daquela época. Tiveram o privilégio de ver e experimentar tudo isso, e mesmo assim se recusaram a crer no Messias que estava bem ali no meio deles. Na continuação do capítulo Jesus vai ao Templo em Jerusalém e encontra a casa de Deus transformada em um mercado. Não é de hoje que a religião atrai aproveitadores. As condições daquele povo e de sua religião não eram muito diferentes das que você encontra hoje na cristandade. Como diz o ditado, “por fora bela viola, por dentro pão bolorento”.

Mas eu quero chamar sua atenção para o final do capítulo 2 de João. Ali diz que Jesus fez muitos milagres em Jerusalém, e muitos daqueles que viram esses sinais creram no seu nome. E o capítulo termina assim: “Mas o próprio Jesus não acreditava neles, pois conhecia a todos, e não precisava de que alguém lhe desse testemunho a respeito do homem, pois ele bem sabia o que havia no homem”.

E o que há no homem? O desejo de se aproveitar de Deus e manipulá-lo ao seu bel prazer. Se você está atrás de Jesus por interesse em algum benefício para sua saúde, finanças ou vida sentimental, ainda não entendeu quem ele é e o que veio fazer aqui. Ele veio morrer em seu lugar para que você tenha todos os seus pecados perdoados; veio resgatar você do pecado, da morte e de Satanás. Veio para transformá-lo em um adorador que adore a Deus em espírito e em verdade por toda a eternidade, pois era essa a intenção inicial de Deus para os seres humanos. A coisa toda é para Deus, não para mim ou para você, ainda que sejamos abençoados em tudo isso.

Ir a Jesus para resolver algum problema pessoal não é muito diferente do que fazem os pagãos com seus talismãs, ídolos e gurus. A verdadeira fé não busca as dádivas de Deus, mas o Deus das dádivas. A verdadeira fé enxerga em Jesus, não uma cornucópia inesgotável de saúde, riqueza e felicidade, mas o vê como o Cordeiro de Deus, aquele em quem todas as coisas irão convergir no final. Isso não está muito claro para você? Não tem problema, vá a Jesus mesmo assim, do jeito que está, com suas dúvidas e indagações, como faz Nicodemos nos próximos 3 minutos.
As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Para baixar os vídeos:

http://www.mediafire.com/?50ddj2c90jjjs É permitido gravar, copiar e distribuir gratuitamente.