"Então o SENHOR me respondeu, e disse: Escreve a visão e torna bem legível sobre tábuas,
para que a possa ler quem passa correndo". Habacuque 2:2

Pesquisar este blog

Carregando...

#181 Para quem tem sede



Leitura: João 7:37-39

Vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=bz051_d2C0A

"No último dia, o grande dia da festa, Jesus pôs-se em pé e clamou, dizendo: Se alguém tem sede, que venha a mim e beba. Quem crê em mim, como diz a Escritura, rios de água viva correrão do seu ventre".

O oitavo dia da Festa dos Tabernáculos era um dia atípico. As celebrações eram completamente diferentes. Embora o Antigo Testamento não mencione isso, a tradição judaica revela que nesse dia os sacerdotes derramavam água sobre o altar. Pense no significado que o derramar das águas tinha numa terra pobre de rios, onde dependiam da chuva que cai do céu para sobreviverem. Sua fonte de vida e alegria estava no céu.

Agora entre eles está aquele que "o céu dos céus não poderiam conter" convidando a todos para irem a ele. Jesus explica esse "ir a ele" no versículo 38: "Quem crê em mim". É apenas pela fé em Jesus que você obtém a salvação e a alegria eterna.

O profeta Isaías escreveu: "E vós, com alegria, tirareis águas das fontes da salvação". Em outra passagem ele diz: "Ó vós todos os que tendes sede, vinde às águas, e vós que não tendes dinheiro, vinde, comprai e comei; sim, vinde e comprai, sem dinheiro e sem preço, vinho e leite. Por que gastais o dinheiro naquilo que não é pão? E o produto do vosso trabalho naquilo que não pode satisfazer? Inclinai os ouvidos e vinde a mim; ouvi, e a vossa alma viverá".

Jesus é o cumprimento dessas promessas. O apóstolo João explica que os "rios de água viva" representam o Espírito Santo, que haviam de receber todos os que cressem em Jesus depois que ele morresse, ressuscitasse e subisse para a glória. Como receber a salvação eterna e o Espírito Santo?

Primeiro, é preciso que você reconheça sua sede. Eu e você somos pecadores por natureza, e não consigo pensar em uma condição mais sedenta e necessitada do que esta. Segundo, é preciso que você reconheça que coisa alguma vinda de você poderá salvá-lo. Não somos salvos e tampouco recebemos o Espírito Santo por nossos meios ou méritos. As águas são oferecidas de graça.

Em terceiro lugar é preciso entender que a fonte de sua salvação e bênção é uma pessoa: Jesus. É a ele que você deve ir, não a uma religião, sacerdote ou ordenanças como o batismo ou a ceia. É somente pela fé em Jesus que você recebe a salvação e o Espírito Santo, essa fonte que se transformará em rios de água viva.

O Espírito foi derramado no dia de Pentecostes, no capítulo 2 do livro de Atos, quando teve início a Igreja. Desde então, o Espírito Santo vem habitar em todo aquele que verdadeiramente crê em Jesus. Não se trata de um acessório, mas de parte integrante da salvação: seu penhor ou garantia. Romanos 8 diz que "se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dele". Se alguém disser que você está salvo, mas precisa fazer alguma coisa a mais para receber o Espírito, desconfie.

Nos próximos 3 minutos Jesus divide as opiniões dos homens.
As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Para baixar os vídeos:

http://www.mediafire.com/?50ddj2c90jjjs É permitido gravar, copiar e distribuir gratuitamente.