"Então o SENHOR me respondeu, e disse: Escreve a visão e torna bem legível sobre tábuas,

para que a possa ler quem passa correndo". Habacuque 2:2

Pesquisar este blog

#794 Uma outra dimensao



Leitura: Marcos 9:1

Quando Jesus diz aos discípulos que alguns deles “de modo nenhum experimentarão a morte, antes de verem o Reino de Deus vindo com poder” (Mc 9:1), eles devem ter achado que o Reino seria estabelecido ainda no tempo de vida deles. Por isso encontramos outros dois discípulos desapontados caminhando para Emaús, sem reconhecerem Jesus ressuscitado caminhando ao lado deles. Lucas 24:15-21 conta como foi:

“[Jesus] lhes perguntou: ‘Sobre o que vocês estão discutindo enquanto caminham?’. Eles pararam, com os rostos entristecidos... ‘O que aconteceu com Jesus de Nazaré... Os chefes dos sacerdotes e as nossas autoridades o entregaram para ser condenado à morte, e o crucificaram; e nós esperávamos que era ele que ia trazer a redenção a Israel’.”.

Ao dizer que alguns veriam “o Reino de Deus vindo com poder” Jesus não disse que o fato em si aconteceria no tempo de vida deles na terra. Se eu digo que vi cenas da 2ª Guerra Mundial isto não significa que eu já existia quando elas aconteceram. Na época eu nem tinha nascido, mas a tecnologia permite que eu veja as batalhas numa tela em três dimensões.

Ao falar daquele que teme a Deus, Isaías diz: “Seus olhos verão o Rei em seu esplendor” (Is 33:17). O apóstolo Pedro, um dos três presentes na transfiguração de Jesus, contaria mais tarde como viu “o Rei em seu esplendor”, como se a cortina do tempo e do espaço tivesse sido rasgada diante deles para mostrar outra dimensão. Em 2 Pedro 1:17-18 ele escreve: “Ele recebeu honra e glória da parte de Deus Pai, quando da suprema glória lhe foi dirigida a voz que disse: ‘Este é o meu filho amado, em quem me agrado’. Nós mesmos ouvimos essa voz vinda do céu, quando estávamos com ele no monte santo.”.


João, que esteve no monte, voltaria a ver Cristo glorificado, como conta em Apocalipse 1:16-18: “Sua face era como o sol quando brilha em todo o seu fulgor. Quando o vi, caí aos seus pés como morto. Então ele colocou sua mão direita sobre mim e disse: ‘Não tenha medo. Eu sou o primeiro e o último. Sou aquele que vive. Estive morto mas agora estou vivo para todo o sempre!’”. Será possível ver esse mesmo Cristo fulgurante agora mesmo? Sim, com os olhos da fé, como diz em Hebreus 2:9: “Vemos, todavia, aquele que por um pouco foi feito menor do que os anjos, Jesus, coroado de honra e glória por ter sofrido a morte.” Mas só se você crer que Jesus pagou por todos os seus pecados quando ele morreu naquela cruz.

(Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional (www.mariopersona.com.br). Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)
As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Total de visualizações de página